Blog

Unidade Granja Viana

Estudantes arrecadam absorventes e doam a instituições carentes

De acordo com uma pesquisa da marca de absorventes Sempre Livre, feita em 2018, 22% das meninas de 12 a 14 anos no Brasil não têm acesso a produtos de higiene adequados durante o período menstrual. A porcentagem sobe para 26% entre as adolescentes de 15 a 17 anos. Será que essa realidade pode mudar? As alunas do 9º ano, da unidade Granja Viana, acreditam que sim!

Com o apoio da Claire, do Colégio Anglo Leonardo da Vinci, as meninas criaram o projeto “Absorvendo e Transformando”. Esta é uma campanha de arrecadação de absorventes. A ideia surgiu após assistirem ao documentário “Absorvendo o Tabu”, que fala sobre um grupo e mulheres na Índia que não possuíam acesso a produtos de higiene. Em meio a esta dificuldade, elas abriram uma pequena fábrica para produzi-los com matéria-prima biodegradável e popularizaram o uso do absorvente na região.

A história foi inspiradora para a turma e motivou uma roda de conversa sobre como é a vida das mulheres e seus direitos básicos. “Descobrimos que muitas meninas em situação de vulnerabilidade social deixam de ir à escola no período menstrual porque não possuem absorvente. O debate ganhou força e partimos para o plano de ação”, conta.

Segundo Claire, no começo, as estudantes sugeriram colocar absorventes nos banheiros da escola para garantir que nenhuma garota passe por constrangimento no ambiente escolar. Em um processo colaborativo repleto de aprendizados sobre a vida, elas decidiram ir além: a arrecadação se tornou maior e, agora, os absorventes serão doados para escolas públicas e instituições carentes.

“O nosso lema é ‘a gente pensa em todos e cuida de todos’. Assim, ampliamos o pensamento crítico dos alunos e mostramos valores fundamentais, como empatia, respeito ao próximo e solidariedade. Aprender a Estudar também diz respeito a contribuir para uma sociedade mais justa”, Claire.

Se quiser fazer parte desse projeto especial, leve a sua doação à secretaria da unidade Granja Viana.